Tankamana = uma diária para desestressar

Neste último feriadão (finados), meu marido e eu queríamos fazer algo diferente para aliviar o estress do cotidiano. Desejávamos ir para Mauá, mas por ser feriado, as pousadas só vendiam pacote. Como não queríamos gastar muito, nenhuma pousada se encaixava em nosso orçamento, sempre para mais de mil reais o pacote de três dias. Queríamos apenas uma diária, de sexta para sábado, porém, nenhuma pousada aceitava uma diária no período do feriado.

Momento parênteses para comentar este fato: Tá certo que é muito mais vantajoso para as pousadas manter o hóspede por mais tempo em seus estabelecimentos, mas fico danada da vida por não poder curtir apenas uma diária, se for de minha vontade, durante um feriado. Até mesmo durante finais de semana comuns, muitas pousadas só aceitam duas diárias, não fazendo reserva para uma diária apenas. Fico revoltada com isso! Smiley confuso Acredito que se as pousadas disponibilizassem um quarto para este tipo de público – o que deseja usufruir somente uma diária no final de semana ou feriado – eles atingiriam o alvo perfeitamente! O que vocês acham? Minha ideia é muito louca?! Será que só eu tenho este pensamento?!

Voltando ao assunto do post…

Já estava chateadinha porque não iria aproveitar o feriado como queria, quando meu super maridão falou a frase mágica: “Então, vamos ao Tankamana!” Meus olhos brilharam e a felicidade invadiu o meu ser. Isso tudo porque sou apaixonada pela pousada e seu serviço. O preço é salgado SIM, todavia, a estrutura e o serviço valem cada centavo. E o melhor: eles não fazem pacote para feriado. Ou seja, poderíamos ficar a tão desejada uma diária que queríamos! Desta vez, optamos ($) pelo chalé standard, mas não havia mais disponibilidade e reservamos o chalé com hidro simples (R$670,00) que é uma categoria abaixo dos chalés em que nos hospedamos das outras duas vezes – chalé especial, com hidro dupla ou ofurô (para ler o relato clique AQUI).

A pousada eco resort Tankamana localiza-se em Petrópolis no Vale do Cuiabá e é considerada uma das pousadas mais charmosas do Brasil. São 16 chalés em uma área imensa de muito verde, em uma harmonia com a natureza que faz bem aos olhos. Há duas piscinas (clorada e natural), hidro spa, sauna, sala de ginástica, sala de jogos e uma sala de cinema. Ao fazer o check-in, o funcionário explica toda a estrutura da pousada e te convida a tomar o café da manhã. Nós chegamos por volta de umas 10:30h e ao sermos convidados para o café da manhã, aproveitamos para fazer um brunch, o que foi ótimo, pois substituiu o nosso almoço. A comida é divina e eu não me canso de repetir. A omelete de queijo e presunto é super caprichada. Sucos gostosos. Pães, queijo coalho, bolos, panquecas, … ai,ai.

Café da manhã

Salão do café da manhã

Depois de saciarmos nossa gula ao som de música clássica, voltamos à recepção para marcarmos nossa sessão de cinema. Eles têm uma lista de DVDs, mas nós levamos o filme que queríamos assistir. Então, fomos nos acomodar no chalé 7. Veja o vídeo que fiz:

Após ficarmos de preguiça no chalé, nos dirigimos à sala de cinema para assistirmos ao filme de nossa escolha (O Clube de Leitura de Jane Austin). A sala de cinema é o meu sonho de consumo, mas desta vez, não tivemos sorte com a tecnologia… ela não estava a fim de funcionar. Os funcionários tentaram reverter a situação de tudo quanto era jeito, porém o aparelho não colaborou. Resultado: Terminamos de ver o filme no chalé. Aliás, o filme é bem legalzinho, bem mulherzinha!

Às 17h, já estávamos a postos na recepção para tomarmos o chá da tarde que é oferecido como cortesia pela pousada. O chocolate quente é divino!!! E o bolinho nem se fala… hummm.

Chá da tarde

Como sempre chove no dia do feriado de finados, não poderia ser diferente desta vez. Estava chuvoso, mesmo assim, a pousada não perde seu charme. É um ótimo lugar para ir quando o clima não está favorável. Decidimos jogar sinuca na sala de jogos para que eu continuasse a tradição de perder.

Sala de jogos

A super esperada hora do jantar tinha um motivo: a truta com arroz de nirá e molho de amêndoas. Quem acompanha o entreviagens já sabe que quando gosto de um prato, não consigo mudar, sempre peço o mesmo. E não me arrependi. A truta estava maravilhosa!

Close na truta.

Entrada do restaurante.

Ó minha felicidade!

A pousada é uma ótima opção se o seu objetivo é relaxar, desestressar, namorar, ficar de preguiça, comer bem, enfim, ter vida boa! #FICAADICA.

Na despedida, a pousada, gentilmente, te presenteia com exemplares de sua horta orgânica.

Adoro, também, fotografar tudo o que vejo… a pousada é muito fotogênica!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Depois desta diária, recarreguei as baterias!!! Vamo que vamo!

Anúncios
Categorias: Passeios, Viagens | 4 Comentários

Navegação de Posts

4 opiniões sobre “Tankamana = uma diária para desestressar

  1. Ai Ana Paula, sou super à favor de “diárias únicas” !! Tb acho péssimo essa histórias deles quererem escolher quanto tempo temos disponível para descansar !!! rsrs..
    Uma vez fui passar o réveillon em Campos do Jordão com meu namorado. Quase morremos de tédio no segundo dia (elétricos…rsrsrs) e decidimos ir embora. Acredita que até polícia o dono da pousada chamou, só pq a gente disse que tinha mudado de idéia e que queríamos ir embora ??? o.O

    • Caramba, Juliana, que história!
      Concordo com você sobre a questão de determinarem a quantidade de dias que queremos e/ou podemos descansar.
      Meu marido e eu já chegamos a conclusão de que uma diária para nós é algo fantástico: nos tira da rotina e nos deixa feliz!
      Obrigada por seu comentário!
      Bjs! 🙂

  2. Olá… Tb sou adepta da liberdade! Se desejo apenas uma diária para experimentar, acho que deveria haver tal liberdade, pq eventualmente nos comprometemos com muitas e depois não gostamos do local, do serviço ou do tempo, não é mesmo? Mas sabemos que a realidade não é essa. Ano passado queria passar dois dias na serra nuns chalés bem legais, mas teria que ser 2 diárias, desisti. Queria apenas uma diária. Encontrei um Hotel Boutique em Bento Gonçalves, pertinho das vinicolas, meio perdido no caminho e fomos. Surpreendente, o local era muito bom, com hidro na sacada (uma espécie de pequeno terraço), num Castelo – com restaurante anexo. Tão perfeito que ficamos duas diárias!!! Abraços,
    Paula

    • Nossa, pela descrição do lugar fiquei até curiosa para “testar”, risos!
      Pois é, esta questão das duas diárias obrigatórias sempre me deixa com raiva quando quero ir a um lugar e este tem esta tal política.
      Mais uma vez, obrigada, Paula, por seus comments super pertinentes!

Seu comentário é bem vindo! : )

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: